quarta-feira, 16 de dezembro de 2015

Meu Doce Eterno Amor


Quando encontrei o amor,
Descobrir o sentido da vida
Quando encontrei você,
Me descobrir...

Quando abri aquela porta e olhei em teus olhos pela primeira vez
Eu sei que ali... foi amor a primeira vista.
Corpo trêmulo, paralisia temporária, palavras ficaram presas em minha garganta...
Eu soube ali que era algo forte, algo que até então eu desconhecia

Nunca havia escutado meu coração bater tão forte como naquele dia
Meu sangue quente, as batidas aceleradas do meu coração
Era você, tinha que ser você... apenas você.
Naquela noite de 05 de julho eu sabia que minha vida não seria mais a mesma

E não demorou muito para sentir os teus lábios quentes nos meus
E depois os teus braços em volta do meu corpo me servindo de leito
Tuas carícias, tua pele junto a minha, teu corpo quente colado ao meu
Ali, entre aquelas quatro paredes, nos teus braços...

Desde então, não passo um dia sem pensar em você
Você está presente em meus pensamentos, assim como em minha vida
Você é o meu maior desejo: ontem, hoje e sempre
Meu doce amor.

O meu amor por você só aumenta, e a cada dia que passa, te amo mais
Um amor sem fim, uma vida
Quando olho em teus olhos eu tenho certeza de que
É com você que quero passar o resto dos meus dias meu amor, te amo.


Para o meu amor, com todo o carinho.
by Bruna M.

Nenhum comentário:

Postar um comentário